Como a Gestão de Riscos influencia na estratégia da sua empresa?

Junho | 2018

Diante do atual cenário corporativo, as empresas vivem em constante pressão e a concorrência é brutal. Para conseguir se firmar e sobreviver é necessário traçar e seguir as estratégias empresariais, que vão ser a base para alcançar os objetivos da empresa. Como a Gestão de Riscos Corporativos está diretamente ligada à sua estratégia empresarial?

 

O contexto de Gestão de Riscos Corporativos das organizações está cada vez mais dinâmico, exigindo um processo com alta flexibilidade e, mandando um nível elevado da área de gestão de riscos, bem como uma maior tempestividade na avaliação contínua e na resposta a potenciais cenários de riscos.

 

Integrar a estrutura de gestão de riscos aos processos e às estratégias da organização é uma necessidade para as empresas, uma vez que, o objetivo destacado pelas organizações é a criação de uma função integrada às estratégias da organização, que gere e preserve valor aos acionistas. Toda empresa precisa de uma estratégia bem definida e objetivos claros a serem seguidos, tanto que as melhores práticas COSO ERM e ISO 31000 foram revisadas e atualizadas recentemente e colocaram o foco estratégico como um dos pontos chaves na Gestão de Riscos Corporativos

 

COSO ERM - 2017

A versão final do COSO ERM, publicada em junho de 2017, recebeu o nome oficial de Gerenciamento de Riscos Corporativos – Integrado com Estratégia e Performance e destaca a importância do gerenciamento de riscos tanto na definição quanto na

execução da estratégia e no gerenciamento do desempenho organizacional, proporcionando um alinhamento maior às expectativas em torno das responsabilidades da governança e da alta administração no cumprimento das suas obrigações de accountability.

 

ISO 31000 - 2018

A nova ISO 31000:2018 teve mudanças em seus princípios, que também prezam a gestão de riscos como fonte de criação de valor para as empresas. Com estrutura mais estratégica, fornece a responsabilidade direta para a alta administração, elevando ao nível estratégico.

No estabelecimento do escopo, critério e contexto, personaliza o processo de gestão de riscos, permitindo um processo de avaliação de riscos eficaz e um tratamento de riscos apropriado.

 

Gestores de Riscos precisam estar alinhados com o planejamento corporativo, para saberem quais os objetivos estratégicos da empresa e assim, ter mais insumos na hora de alimentar a análise de riscos corporativos, identificando o que realmente é crítico e precisa de cuidados especiais.

Nossas redes sociais
Brasiliano INTERISK
Contato

Rua Barão de Jaceguai, 1768 - Campo Belo
São Paulo - SP - CEP: 04606-004

  • Facebook - Grey Circle
  • LinkedIn - Grey Circle
  • YouTube - Grey Circle